segunda-feira, dezembro 13, 2010

O Pecado

Quando Eva mordeu a maçã, pecou sem saber. Passou do céu para o inferno em fração de segundos, sem entender nem porque. Deixou de ser criatura do Senhor e se tornou uma pecadora.
Mas isso foi o que julgou Adão. Julgou sem ter ao menos um conhecimento superficial sobre o que é pecado. Julgou mesmo que amasse, que respeitasse e que quisesse Eva.
Como todo pecador, Eva se julgou e se arrependeu. O que adiantava mais? Já havia sido feito. Só o perdão do criador poderia elevar a criatura.

Maria Madalena era mais uma pecadora, foi apedrejada e ajudada por Jesus Cristo. Ele mostrou à todos que pecados são comuns e que é muito fácil julgar os outros sem conhecimento prévio da causa, mas uma coisa muito importante que ele ensinou, e que poucos aprenderam, foi a indulgência. O saber perdoar o próximo.

Pecar é humano. Perdoar é para poucos. E antes de julgarmos ao próximo, devemos fazer um julgamento de nós mesmos. Ou acabamos nos tornando reféns da hipocrisia, sendo assim, apenas mais um pecador.

Como diria o velho ditado: Quem não tem teto de vidro, que atire a primeira pedra!

Nenhum comentário: