sexta-feira, fevereiro 13, 2015

Foi

Foi
Por tantas razões
Que mesmo sem acreditar
Eu quis me entregar

Foi
Sem poder
Que beijei teus lábios
Pela primeira vez

Foi
Sem querer
Que eu me apaixonei
Que Me deixei levar

Foi
Sem entender
Que você teve que me dizer adeus
Mas dizendo que queria ficar

Foi
Com o coração na mão
Que te dei meu ultimo abraço
Enquanto me dizias:
“Minha querida, eu vou voltar!”


Foi...

Nenhum comentário:

Lua

Lua, Tu que tantas vezes me vistes chorar, Seca agora esse meu pranto, E ilumina meu caminhar. Lua, Tu que sempre ouvistes meus lamen...